Tendências do mercado do leite

Postado por admin em Artigos e Notícias

29

mar
2019

Cada ano que passa e um novo que se inicia, sempre buscamos ler e entender um pouco sobre o ano que passou para tentar prever um cenário futuro de médio ou longo prazo para as tendências do mercado que atuamos.

Ao olharmos para trás, em 2018 tivemos um ano bem conturbado com eleições, greve dos caminhoneiros, Copa do Mundo, desemprego e economia instável com o preço de leite variando muito entre altas e baixas ao longo do ano.

A produção de leite é de grande complexidade econômica necessitando para se ter eficiência uma boa gestão técnica e econômica, provocando a necessidade da busca de conhecimento e assessoria técnica para a viabilidade da atividade.

Essa é a forte tendência para 2019, no campo a total gestão da propriedade não somente técnica, mas também financeira buscando entender um pouco do “depois da porteira” e suas consequências para possuir total controle da propriedade, ou seja, dominar também o “antes da porteira”.

A viabilidade da propriedade seja ela pequena, média ou grande é o seu resultado positivo, gerando satisfação e fixação do produtor vivendo com dignidade e rentabilidade. Sendo assim o planejamento, estudo do mercado é fundamental para se traçar estratégias e produzir leite com qualidade e melhor custo beneficio para ser competitivo e eficiente. Com isso não evitaremos, mas com certeza minimizaremos muitos erros, sejam de investimento ou decisões de impacto direto no caixa da fazenda no decorrer do ano.

O ano de 2019, ainda traz consigo as heranças do ano anterior. As incertezas da economia, o desemprego e a diminuição do consumo nas famílias acaba afetando diretamente o mercado de produtos lácteos. Porém o novo ano traz também expectativas de melhoras, devido as ações de estimulo da economia por parte do novo governo, promovendo a geração de emprego e o aquecimento da economia com retorno do consumo lácteos, assim diminuindo a volatilidade dos preços, proporcionando um cenário mais estável para produzir e mantendo o preço do leite em uma faixa na qual o produtor consiga produzir e ter rendimentos para manter os custos da produção.

Isso é o que todos esperamos e desejamos para o ano de 2019, um clima de otimismo para nossa atividade. Nos próximos meses veremos se isso se concretiza. Ótimo ano a todos e excelente lactação em todas as fazendas.

Fonte: Consultor Lissandro Stefanello Mioso

Deixe um comentário