Veterinária

O setor da agroveterinária nasceu dentro do aramazém, bem pequeno, sendo apenas uma seção de farmácia veterinária. Ganhou um novo espaço com a mudança do armazém para sua nova sede, momento em que passou a ser supermercado. Os responsáveis pela área relatam muitas dificuldades  e o enorme crescimento que alcançou, tornando-se indispensável, não apenas  para os cooperados, como também para a cidade.

As funções da farmácia veterinária não se resumiam a vender medicamentos. Era o setor que se ocupava de proporcionar aos associados o atendimento médico veterinário, visando preservar a saúde do rebanho do cooperado, mediante a orientação da moderna medicina veterinária. Em 1985, a farmácia contava com 7 funcionários, divididos nas funções de 2 médicos veterinários, 1 auxiliar de veterinária e 4 funcionários para o atendimento geral.

Em 2002, foi inaugurada a nova loja agroveterinária, muito maior, com maior variedade de produtos. 

Outras Áreas Comerciais

  • Hipermercado

    Desde sua fundação, a Coopervap se preocupou, além de coletar e processar o leite dos produtores, em manter um armazém onde os cooperados pudessem fazer suas compras, para pagar

  • Unidade Brasília/DF

    Desde o início do funcionamento da Coopervap, o mercado de Brasília era o principal alvo. O primeiro distribuidor dos produtos em Brasília foi o sr. Franz Botelho, ainda em